Quando é indicado o uso de remédio para pulgas e carrapatos?

 

Para responder de forma simples: os remédios para pulgas e carrapatos são sempre recomendados. Não é necessariamente sintomático, mas sim preventivo. Em outras palavras, não precisa esperar que eles apareçam no seu bichinho para ministrar o tratamento. De fato, ele deve fazer parte da rotina de cuidados com o seu animal, da mesma forma que o banho e as vacinas.

Porém, é preciso ficar atento, principalmente quando se trata de filhotes. Os bem pequenininhos não devem receber o tratamento, pois os remédios são um pouquinho fortes. A maioria das opções é indicada apenas para pets que tenham mais de sete semanas, ou pelo menos dois meses de vida. O ideal é sempre ler a descrição do produto, para se ter uma ideia de adequação ao peso do pet.

Há opções de uso tópico (pomadas) e oral (comprimidos mastigáveis); geralmente, esses remédios contém compostos químicos que mantêm os parasitas afastados do pelo do seu pet. É muito importante que ele seja sempre atualizado, porque as pulgas podem machucar os animais seriamente, e os carrapatos não só transmitem doenças aos animais, como também às pessoas.

A frequência de aplicação deve ser consultada na bula do produto utilizado. As pomadas têm duração média de um mês, enquanto os comprimidos podem chegar a até 12 semanas. Informe-se e anote na agenda, para garantir que você não irá esquecer.

 

De que outro jeito posso prevenir o surgimento de parasitas?

 

O uso do remédio é superimportante e indispensável, mas não é a única medida que você pode adotar para evitar o surgimento de parasitas no seu pet. A seguir, confira mais algumas ideias para manter o seu bichinho sempre saudável:

• Não leve seu pet para passear a não ser que você tenha certeza de que o medicamento ainda está ativo. Do contrário, o contato com a área externa pode ser porta de entrada para pulgas, carrapatos e até vermes.

• Verifique o pelo dos cachorros com frequência, especialmente se eles estiverem demonstrando algum desconforto, como coceiras.

• Se você mora em uma casa, mantenha a grama bem cortada e limpa. Assim, os carrapatos e pulgas vão ter menos espaço livre para se proliferar.

• Evite o contato do seu pet com animais que você não tem certeza dos cuidados, pois eles podem ser transmissores.

Com esses cuidados, você irá garantir a saúde do seu bichinho por muito mais tempo. Não deixe de prestar atenção e agir ao menor sinal de infestação, para evitar que ela saia do controle.

Além de remédio para pulgas e carrapatos, você pode encontrar muitos outros produtos para o cuidado com o seu pet aqui na Breeds. Acesse nosso site e ofereça o melhor cuidado ao seu bichinho.